Categorias
Sem categoria

Como me preparar para a primeira consulta do meu filho com o odontopediatra?

O maior receio dos pais é de qual será a reação da criança na consulta com o dentista, essa realmente é  uma preocupação muito comum e que leva muitos pais a postergarem esse momento.

Mas não há com o que se preocupar , quanto mais cedo a criança for ao dentista e realizar consultas periódicas menos problemas de origem bucal ela vai ter e melhor será seu comportamento com o passar do tempo.

Algumas dicas importantes são:

-Evitar em casa palavras que possam vir a trazer medo relacionadas a consulta como : agulha, injeção, sangue, dor.

-Evitar contar histórias ruins sobre vivências familiares no dentista “ Olha , quando eu era pequeno fui ao dentista e ele arrancou três dentes meus de uma só vez” , “ eu não gosto de ir no dentista porque ele tem uma injeção enorme lá” ou “ se você não escovar os seus dentes direito vou te levar no dentista e ele vai ter que arrancar os seus dentes”. As crianças prestam muita atenção nas histórias contadas pelos familiares e isso leva elas a terem um medo indireto do consultório odontológico, dificultando a primeira consulta.

-Tente não demonstrar a sua preocupação para seu filho, no momento do atendimento , tente  ser confiante  e tranquilo com o que está sendo feito. Da mesma forma como em casa , dentro do consultório algumas palavras que possam causar medo são proibidas, como : sangue, vai doer, agulha, injeção.

É super comum crianças pequenas chorarem na primeira vez que vão ao consultório , nós odontopediatras estamos preparados, por isso ao chegar ao consultório primeiro brincamos com a criança e mostramos tudo que tem lá dentro , muitas vezes o que será feito é primeiro demonstrado em um boneco ou no próprio acompanhante, para depois ser feito na criança.

Em um primeiro momento o odontopediatra faz um questionário com os pais para avaliação da saúde geral e bucal, hábitos e é muito interessante a criança participar e ajudar a responder as perguntas para uma interação inicial.

Ao mesmo tempo que estamos realizando o questionário, a criança poderá ir se familiarizando com o ambiente.

Depois disso é que vamos finalmente sentar na cadeira do dentista.

Em todas as primeiras consultas nos também realizamos uma profilaxia dentária, porque com os dentes limpos conseguimos realizar uma melhor avaliação de todas as partes da boca. 

Com todas essas informações em mãos apresentamos um plano de tratamento .

Caso não tenha necessidade de nenhuma intervenção, juntamos todas as informações colhidas e finalizamos com uma avaliação do risco de cárie para definirmos juntos as estratégias preventivas e melhor intervalo de tempo entre as consultas.

Ao final de cada consulta a criança recebe um reforço positivo, temos uma gaveta com brindes, os pequenos adoram.

Portanto, fiquem tranquilos, quanto mais cedo e mais vezes a criança visita o consultório odontológico , mais ela se acostuma com o ambiente e procedimentos, mais laços de confiança ela cria com o profissional, e caso, por algum motivo precise passar por algum tipo de procedimento mais complicado estará condicionada para um melhor andamento do tratamento.

Qualquer dúvida , entre em contato através do nosso e-mail ou WhatsApp, estaremos prontos para atendê-los.

Categorias
Sem categoria

Você sabia que não é normal ter cárie?

Assim como os adultos as crianças também podem sentir dor de dente! E isso afetar a rotina e qualidade de vida de toda a família! Ausência na escola, no trabalho, noites mal dormidas.

E além disso, o tratamento restaurador não é o mais bem aceito pelos pequenos , os pais sofrem e nos dentistas também sofremos.

Mas como fazer para que a cárie não apareça?

Pois é, a solução é bem simples, cuidado com a quantidade de ingestão de açucares durante o dia (famosos beliscos) , fazer uma boa escovação três vezes ao dia e visitas regulares ao dentista especializado no atendimento infantil para fazer uma consulta preventiva, e receber orientações valiosas para manter os seus dentes fortes e saudáveis para a vida toda.

Nessa consulta nós conseguimos avaliar todos os dentes bem de perto, fazer uma limpeza para remoção da placa bacteriana que favorece o aparecimento da carie, bem como passar orientações para que o cuidado seja mais efetivo!!

Prevenir é sempre melhor !!!

Venha fazer parte de uma geração zero cárie!

Categorias
Sem categoria

Quando devo marcar a primeira consulta do meu filho com o odontopediatria?

Há alguns anos, tínhamos um conceito de saúde CURATIVA, ou seja, buscávamos tratamento quando aparecia um problema, como uma dor de dente, um inchaço, ou uma cavidade.

Sabemos que essa atitude de buscar um tratamento quando o problema já está instalado é muito ruim porque muitas vezes, chegamos em um ponto que não existe mais possibilidade de tratamento conservador e o mesmo se torna mais custoso , demorado e difícil.

Por isso, hoje, somos adeptos da prevenção, e por esse motivo também, que sugerimos como momento ideal levar os bebês ao consultório odontológico por volta dos 6 meses ou com o aparecimento do primeiro dente de leite.

Essa consulta é realizada para os pais e cuidadores receberem informações valiosas sobre saúde bucal, como orientações de higiene e hábitos alimentares para que seu filho tenha um melhor desenvolvimento e livre da cárie.

Percebemos que as criança e adolescentes que visitam periodicamente e desde cedo o dentista e seguem as orientações recebidas em sua rotina de casa, raramente apresentam problemas como a cárie.

A consulta se torna mais prazerosa e com menos custos para os pais, fora a importância do sorriso livre de problemas para o resto da vida!

Por isso quando mais cedo as recebemos as orientações melhor!

Invista na prevenção

Dra. Ana Carolina Ciarcia

CROSP 98670